Senado autoriza compra de armas por pessoas com doença mental

O Senado dos Estados Unidos suspendeu nesta terça-feira (15) uma norma da administração Barack Obama que proibia cerca de 75 mil pessoas com doenças mentais de comprar armas de fogo.
A medida foi aprovada por 57 votos favoráveis a 43 contrários e segue para sanção do presidente Donald Trump.
A norma derrubada era direcionada a pessoas com doenças mentais cujos bens são administrados por terceiros, e era uma das tentativas do governo Obama de reforçar os pré-requisitos para compra de armas com o objetivo de reduzir a violência nos EUA. Críticos dizem que a medida era muito abrangente e contribuía para a estigmatização de pessoas com doença.
A maioria republicana do Senado tem se aproveitado da presença de um correligionário na Casa Branca para reverter leis implementadas pelo governo Obama.
DEIXE UMA RESPOSTA

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY